PNL, O Poder do Hábito e Coach. O que tudo isso tem haver com Gestão do Tempo?

Mas e ai pessoal, tudo certo?

Com a aproximação do final do ano, começam as reflexões sobre se este ano valeu a pena, o que ainda falta fazer, o que eu não vou conseguir fazer mais, e todo aquele balanço anual tradicional.

Pois pensando nisso, eu lembrei de tudo o que aconteceu neste ano, de todos os treinamentos que participei, dos cursos, e que ligação cada um tinha com a Gestão de Tempo.

Cada um contribuiu com um pedado de conhecimento, mudando pequenas partes para que no final, ainda falte um empurrãozinho pra você engrenar na boa gestão do seu tempo.

A contribuição da Programação Neurolinguística, é o entendimento do porque fazemos algumas coisas mesmo que nos atrapalhem. Onde alguns comportamentos estão gravados e como podem ser reprogramados para um resultado melhor. Você descobre que tem crenças que limitam o seu crescimento, que você nunca se deu conta de que tinha isso. Quando você apenas descobre que esta crença existe é libertador, mesmo ainda não tendo se desfeito desta crença.

Com a Neurolinguística você aprende a visualizar novas situações que farão você melhorar seu desempenho, fazendo você ganhar mais tempo.

Qual o hábito que você quer mudar?
Qual o hábito que você quer mudar?

A leitura do livro O Poder do Habito, foi muito revelador pra mim. Devorei ele rapidamente. Depois que comecei, não consegui  mais parar de ler.  Nele eu entendi como nasce  um hábito. Como o nosso cérebro  funciona na hora de criar ou substituir um hábito, qual o mecanismo e como usar o mesmo  processo para instalar  um bom  hábito.

Com esta informação, pude examinar hábitos que tinha e pude modificá-los ou ajustá-los para que eu pudesse ficar melhor. Alguns destes hábitos podem estar fazendo você perder tempo inconscientemente.

 

E fechando o ciclo esta o Coach. O coach via usar algumas ferramentas de PNL, vai promover o seu autoconhecimento, e descobrir porque você faz, o que faz. Vai te ajudar na definição do seu propósito, das coisas que são realmente importantes pra você, e vai te acompanhar nesta jornada para que você ande com as próprias pernas.  Comportamentos são  entendidos, assimilados e modificados, e a figura do Coach esta ali para ser o facilitador destas descobertas.

o-que-e-coaching-profissional

 

Este é o objetivo do Coach em Gestão de Tempo ou Time Coaching, ajudar você a ter mais tempo, pra você e para o seu trabalho e sua família.

Afinal, tudo esta conectado!

Grande abraço,

Gérson.

 

 

A Hora da Virada.

Quando decidi seguir as dicas de gestão do tempo do Christian Barbosa, teve um momento que se tornou o momento da virada. Foi  quando decidi que faria as coisas diferentes.

Esse momento veio depois de em experimento que fiz quando ainda não tinha terminado de ler o livro da Tríade do Tempo. Foi quando juntei todos os papéis que estavam na minha mesa  e fiz uma montanha de papéis.

Todos estes papéis tinham apenas três destinos; ir para o lixo, ir para o arquivo ou serem resolvidos.

pilha-de-papeis

Comecei com o papel que estava no topo da pilha, e examinei ele cuidadosamente. Se era um assunto resolvido, uma anotação que não tinha relevância ia direto para o lixo. Se o assunto já tivesse sido resolvido, mas o papel tinha ainda alguma relevância e precisava ser guardado então ele ia para o Arquivo. Quando o assunto do papel ainda não estava resolvido e precisava de alguma AÇÃO  da minha parte ou de outra pessoa, eu o separava na pilha da AÇÃO.

Botei o que era lixo fora, e depois arquivei tudo o que tinha separado para arquivar. Deixei a pilha da Ação por último.

Para a minha surpresa a pilha da Ação era a menor de todas. Só esta separação me mostrou que a maioria das coisas que tinha na minha mesa ou era lixo, ou não devia esta ali.

Quando fui me dedicar à pilha da Ação, analisei cada assunto vendo se sua execução era urgente ou não. Separei então cinco pastas suspensas com os dias da semana, de segunda a sexta-feira, e fui colocando os papéis nas pastas dos dias em que eu iria resolver aquele problema.

No final deste processo a pilha de assuntos urgentes que deveriam ser resolvidos  naquele dia era realmente pequena, três ou quatro coisas apenas.

Depois, transformei os papéis nas pastas em tarefas e compromissos no Neotriad, e reuni todos os assuntos em uma única pasta chamada Meu Dia. Agora existia um método para processar as tarefas que chegavam, e não formei novas pilhas de papéis.

Esse foi o meu ponto de virada. Depois que eu descobri como é bom não ter pilhas de papéis inúteis na minha mesa, mantive ela sempre limpa.

Descubra a sua hora da virada e dê um passo em direção à sua produtividade.

Se precisar de ajuda é só me escrever.

Abraço,

Gérson.

 

Planejando a Semana – Tutorial.

Planejando a Semana.

Quando comecei a usar o Neotriad, planejar a semana era uma dificuldade, porque não conseguia ver como o planejamento poderia funcionar. Eram muitas variáveis e coisas que podiam acontecer durante a semana que podiam fazer o meu planejamento ser inútil. E isso me desestimulava.

A saída para esta natural preocupação, era algo estranhamente simples; “Deixe espaço para o imprevisto”. Quando li isso do Christian eu achei engraçado, porque dizia para eu reservar um “tempo” para aquelas coisas imprevisíveis! Algo como mandar um recado para o Murphy (lei de Murphy), para que ele mandasse os imprevistos entre às 15h30min e 16h00min horas. Mas depois fez todo o sentido deixar espaço para o imprevisível. Porque quando ele acontecesse, eu poderia jogar as tarefas para outro horário e teria tempo para dar atenção ao Murphy.

Outro motivo é que é melhor ter um planejamento ruim do que não ter nenhum.

Desde então, quando planejo minha semana, deixo um espacinho para o Murphy, não enchendo todo o meu horário com tarefas.

Outra coisa muito importante quando se planeja a semana é que enquanto você pensar no que vai acontecer nos próximos sete dias, você vai lembrando-se de pequenas atividades que você precisa fazer, como insights, e daí você tem a chance de colocá-los na programação.

Muito bem, cabeça e mãos à obra.

Comece o planejamento da semana clicando no ícone “Planejar a semana” em “Meu Dia”.

Planejando a Semana 01

Ira abrir a tela que mostrará como estão teus índices, e como foi o seu planejamento da semana passada.

Passo 1 – Análise da Semana Anterior.

Planejando a Semana 02

Mostrará sua tríade da última semana, e com andam a execução das tuas metas.

Planejando a Semana 03

Mais abaixo você verá a distribuição dos teus papéis, e o teu gráfico de equilíbrio. Também mostrará o teu gráfico de “Papéis Ideais” e “Equilíbrio Ideal”. Este gráfico é gerado baseado nas informações que você preencheu editando sua “Identidade”. Se ainda não fez isso, a hora é agora. Veja como:

Planejando a Semana 03.1

Esta comparação é pra você poder visualizar o quanto distante daquilo que VOCÊ acha ideal na divisão do teu tempo, esta a tua programação real.  E para você fazer os ajustes necessários.

Depois disto, vá para o próximo passo.

Planejando a Semana 04

Passo 2 – Distribua sem tempo em seus papéis.

Planejando a Semana 05

Coloque na sua programação da próxima semana, aqueles papéis que ficaram para trás na última semana. Você faz isso clicando e segurando em “Estudante” e arrastando para o dia em que você vai cumprir aquele papel. Quando você largar no dia, abre uma janela para inclusão de uma tarefa ou compromisso. Legal não é??

Faça isso com cada um dos teus papéis. Agora é a hora e marcar aquela janta com a esposa (o), aquele cineminha com as crianças, de começar aquele relatório, de passear com o cachorro (essa é para Natasha), de ligar para sua mãe, e dizer que quarta-feira esta indo almoçar com ela, e mais todas aquelas coisas que você vive reclamando que não tem tempo pra fazer. Ha não deu tempo de ligar pra você, estou na correria mãe não pude passar ai, não posso ir ao happy hour porque preciso entregar o relatório, e blá, blá, blá…

Cada vez eu você coloca uma tarefa ou compromisso em um dia, ele automaticamente soma o tempo que você colocou para esta tarefa. Veja isso no círculo verde mostrado na imagem.

Faça mesma coisa para o seu “Equilíbrio”. Clique e segure em “Físico”, e arraste para o sábado pra dar aquela caminhada com a esposa no parque, ou para aquela sessão extra de pedalada na academia, pra compensar o final de ano.

Você também pode clicar e segurar em uma tarefa pré-existente, e arrastá-la para de um dia que ficou cheio, para outro que esteja mais folgado. Você pode excluir uma tarefa ou compromisso se clicar/segurar e largar na lixeira, como mostra a linhas na cor marrom. Se você precisar mudar a data de um compromisso para além desta semana, solte no colendário. Aparecerá uma pequena janelinha onde tu vai poder colocar a nova data da tarefa.

Passo 3 – Metas – Agende as atividades das metas da semana.

Planejando a Semana 06

O mecanismo é o mesmo do passo anterior, mas agora você vai olhar para as metas que você tem, e vai colocar alguma atividade que façam elas irem para frente. Alguma tarefa ou compromisso que faça você dar um passo na direção da sua meta.

A metodologia da Triad do Tempo diz que você deve usar a rega 8 – 4 – 2, que diz que você deve ter no máximo oito metas no ano, destas metas quatro devem ser trabalhadas durante o mês, e apenas duas durante a semana. Achou pouco? Não é! Somadas a todas as outras atividades que você tem normalmente, estas duas tarefas ou compromissos relacionados às suas metas, é um grande passo na direção daquilo que você quer.

Passo 4 – Projetos & Organização Pessoal.

Planejando a Semana 07

O mecanismo segue o mesmo, mas agora dando atenção aos projetos que você tem, e a alguma organização pessoal de ajuste nos dias que ficaram muito cheios, ou naqueles que estão muito vazios.

Passo 5 – Tarefas sem data.

Planejando a Semana 08

Caso você tenha incluído alguma tarefa durante a semana, e ainda não tinha uma data para executá-la, Este é o momento de definir quando ela deverá ser feita.

Depois disso, clique em “Finalizar”, e a sua programação estará completa, e a sua semana vai ser produtiva, e vai fazer você seguir em frente.

Se você fizer esta programação da semana a cada sete dias, você vai ganhar  uma medalha!

Planejando a Semana 09

Parabéns, você é um Planejador.

Deixe os seus amigos e colegas saberem disso, compartilhando esta sua medalha no Facebook. Se você já estiver logado no Facebook, ele irá direto para lá. Se não, uma janela irá abrir pedindo que você faça login no Facebook para poder compartilhar sua medalha.

Escreva alguma coisa para acompanhar sua medalha!

Planejando a Semana 10

Uma confirmação irá aparecer, dizendo que foi publicado no Facebook com sucesso.

Planejando a Semana 11

Depois é só checar, pra ver como ficou sua medalha publicada.

Planejando a Semana 12

Eu faço este planejamento da semana no domingo, naquele momento de ócio que surge no final da tarde e início da noite, quando começo a pensar que no outro dia, vamos começar uma nova semana de trabalho.

Bom, espero que este tutorial seja útil pra te ajudar a ser mais planejado, e que este planejamento te deixe mais produtivo e feliz. Porque afinal, é pra isso que tudo isso serve!

Deixe um comentário para me contar como foi a sua programação!

Grande abraço,

Gérson.

Porque planejar te deixa mais produtivo?

Durante esse tempo que uso o Neotriad, sempre ouvi falar de planejamento. Por onde quer que se ande, planejamento é a palavra de ordem. Alguns ficam muito bons em planejar, fazem planos detalhados, de metas definidas, e guardam em uma gaveta bem arrumada, e ficam com  a sensação de dever cumprido.

Outros dizem que planejar engessa a sua criatividade, que não da pra prever tudo, que é muita pretensão ficar planejando meses à frente, “E se  o mundo acabar? Pra que serviu o planejamento?” irão dizer! A diferença é que a chance de tudo dar errado é pouca, depois, mais vale um planejamento não usado, do que nenhum planejamento.

Outro efeito do planejamento eu só fui entender pouco tempo atras; quando você faz  um planejamento mínimo como o da semana, você “esvazia” a sua cabeça, das anotações mentais que você vai fazendo. Vai eliminando as “vozes” que passam pela sua cabeça. E dai, de cabeça fresca, você pensa muito melhor, e mais rápido. Por isso, quem é planejado pode tomar decisões mais rápidas, porque ele não precisa pensar em tudo novamente, só na emergência que surgiu!!

Tem outro “efeito produtivo” que o planejamento provoca, que é bem sutil;  Foco!

Quando não usava nada pra me organizar, eu chegava pela manhã, olhava a minha pilha de papéis, e tentava encontrar alguma que fosse agradável de fazer. Na maioria todas eram urgentes e o prazo estava no fim, então todas desagradáveis. Ai bate o desânimo, você vai tomar um café, passa na sala do colega pra comentar alguma coisa, (seja-lá-o-que-for), e sem mais opções volta pra sua mesa, pra enfrentar a pilha feroz de problemas. Só que já são 10h da manhã e você ainda não fez nada!!

Dai a adrenalina sobe, você fica elétrico, super-produtivo, faz muitas coisas ao mesmo tempo, e resolver algumas delas em tempo record!!

Só que isso não dura muito porque o stress consome muita energia, e logo você volta ao estado de apatia anterior.

Depois que você começa a planejar a sua semana, mesmo que o volume de trabalho aumente, você não perde a linha nem a produtividade, porque tem cabeça fresca, e energia pra resolver os imprevistos.

Então planeje-se minimamente pra você ver a diferença que vai fazer.

 

Hoje dia 27/11 aconteceu a última turma do ano do Triad Training em São Paulo. Parabéns às pessoas que fizeram o curso. Tenho certeza que serão bem mais produtivos que antes. Se precisarem de alguma ajuda, é só falar. Veja o post.

 

Abraço,

Gérson.

A exceção é um veneno!

Hoje conversando com o meu pai, o grande  Rubem Worobiej, ele estava falando sobre ritos e padrões, e ele disse uma coisa que me fez pensar;

“A exceção é um veneno!”

Custei um pouco pra entender o que isso queria dizer, e me dei conta que é verdade.

No trabalho lido todos os dias com processos rotineiros e procedimentos que fazem parte do trabalho diário. Um procedimento é  um roteiro de como fazer uma coisa. Para passar café você tem um procedimento que seguem determinados passos, que foram pensados para que o resultado seja o esperado; um bom café.

Para todos os procedimentos do trabalho, também. Você tem que seguir certos passos para ter o resultado esperado; uma tarefa concluída sem erros, nem atrasos, NEM ATALHOS!

Ai que me dei conta que a exceção é realmente um veneno! Porque quando você abre uma exceção para qualquer procedimento, você envenena aquela rotina, e ela vai se deteriorando e com o tempo e morre!  E esta bagunça faz a sua tarefa lenta, chata, cheia de incertezas, e com uma grande perda de tempo.

Esta exceção, é a maldita “Lei de Gérson”, daquele comercial infeliz onde o meu xará  🙁  diz que aquele cigarro é pra quem gosta de levar vantagem em tudo. (Pra quem não sabe do que estou falando procure no You Tube) Essa mania de dar um jeitinho pra tudo, e de sempre achar que fazer uma coisa por um atalho é um grande esperteza!

Por isso devemos examinar nossos processos pra ver se todas as etapas são realmente necessárias. Se não estamos burocratizando demais com rotinas inúteis. Se você acha que um procedimento esta errado, mostre porque. Apresente a sua solução e demonstre qual a sua ideia, e porque ela é importante e o quanto vai melhorar a eficiência da tarefa.

Não tente mudar um processo só pra mostrar trabalho, e pra fazer bonito. Não reinvente a roda.

Lembre-se disso a próxima vez que fizer uma exceção a um procedimento existente.

Abraço,

Gérson.

 

Como você lida com as interrupções durante o trabalho?

Não sei vocês, mas as interrupções que ocorrem durante o trabalho são o que mais me fazem perder tempo.

Quando você esta lá, concentrado naquela tarefa importante, que precisa da sua atenção máxima, toca o telefone, aparece um novo e-mail, você lembra que faz mais de cinco minutos que você não olha o Facebook, e dá aquela coceira de dar só uma olhadinha….

O que deixa muita gente esgotada mentalmente é a troca frequente de foco durante o trabalho. Quando você esta fazendo a dita tarefa, e alguém vem na sua mesa para perguntar alguma coisa, a sua atenção sai da tarefa e vai para a pessoa. Assunto terminado, você tira a sua atenção da pessoa, e volta para a tarefa, que agora você tem que lembrar o que estava fazendo pra pegar o fio da meada, de onde parou. Quando você esta quase conseguindo toca o telefone e você tem que atender, dai você tira a sua atenção da tarefa e se muda mentalmente para o telefonema!

Essa troca de atenção, alem de te esgotar, e fazer você fica cansado da tarefa, faz você perder tempo entre uma coisa e outra. Dai se passaram duas horas e você progrediu quase nada na execução daquele trabalho.

Como não há como não ser interrompido seja lá pelo que for durante o trabalho, existem técnicas bem fáceis que você pode adotar para minimizar ao máximo as interrupções indesejáveis.

Veja este vídeo do Christian, tirado do site da Você S/A, sobre como gerenciar suas interrupções, e comece amanhã mesmo sendo mais produtivo.

Aprenda a minimizar suas interrupções e ser mais produtivo.

Se tiver alguma dúvida, me escreva!

euusoneotriad@yahoo.com.br

Abraço,

Gérson.

Vídeo do Programa Sem Censura.

Olá,

No último dia 12/07, foi ao ar o programa Sem Censura da jornalista Leda Nagle.

O programa foi bem divertido e descontraído apesar do assunto ser sério; dinheiro!

De quebra, conseguir falar um pouco sobre o Livro do Christian, Equilíbrio E Resultado. Veja neste link. (abra no Explorer)

Valeu Leda!

Abraço,

Gérson.

Participação no Programa Sem Censura, da Leda Nagle.

Semana passada tive o grato prazer de conhecer a Leda Nagle, jornalista que apresenta o programa Sem Censura da TV Brasil.

Durante anos a fio eu almoçava vendo o Jornal Hoje, apresentado pela Leda. Então conhecê-la foi um grande prazer!

Fui convidado para o programa para falar sobre dinheiro.

Já fui muito desorganizado no que diz respeito à finanças, o que me levou ao fundo do poço financeiro. E quando estava lá (no fundo do poço), a coisa que mais me marcou nos livros que lia foi: ” Se você esta no fundo do poço, a primeira coisa a fazer a PARAR DE CAVAR!”

Bom, eu parei de cavar!

E aos poucos fui conseguindo sair!

Muito disso tem haver com organização e disciplina. Com trabalho e produtividade. Com definição de Metas e pequenos projetos. Coisas que falamos aqui no blog.

Falou-se muito também sobre Resultado e Equilíbrio. Entre manter o seu Equilíbrio com o Resultado que se tem agora. Você pode ganhar pouco, mas gastar dentro das suas posses e ser feliz. Ou você pode ganhar muito, gastar menos do que ganha, e ainda ser feliz.

Veja que a diferença não é o número de zeros que tem a sua conta bancária, e sim o que você faz com o dinheiro que tem lá. Quanto se gasta é mais importante do quanto se ganha.

Bom, mas eu não sou, nem tenho a pretensão de ser um guru financeiro, deixo isso para o Gustavo Cerbasi que é muito bom no que faz. E nem esse é o tópico do blog, mas a relação entre dinheiro e felicidade, pode ser encontrada. Ela existe!

Conseguimos falar ainda sobre o último livro do Christian Barbosa, o Resultado e Equilíbrio, que a Leda ganhou de presente.

O programa deve ir ao ar dia 12/07. Mas eu aviso aqui se esta data for confirmada.

Pra finalizar, preciso dizer que um dos convidados era o Tenor Jean William. Um rapaz franzino de vinte e poucos anos com um grande sorriso que canta muito.

No final do debate, eu acreditava que ele não iria cantar, afinal tenores devem precisar de uma preparação, um aquecimento na voz, ficar longe o ar-condicionado, etc. Pois tão longo a Leda pediu que ele cantasse, ainda sentado, ele contou nada menos do que  Nessun Dorma de Giacomo Puccini. Coloco o link o Pavarotti cantando esta mesma música pra você ligar o volume do micro, e imaginar esta música sendo cantada ao seu lado.

Difícil explicar o tamanho da minha emoção de ver aquele rapaz cantando esta belíssima música, sentado, a plenos pulmões. Confesso que se ele tivesse cantado mais um pouco, eu teria ido às lágrimas, tamanha emoção.

Obrigado Jean!

Obrigado Leda.

Abraços.

O Primeiro dia do resto do ano!

Meu amor
O que você faria se só te restasse um dia?
Se o mundo fosse acabar
Me diz, o que você faria?

Ia manter sua agenda
De almoço, hora, apatia?
Ou esperar os seus amigos
Na sua sala vazia?
Meu amor
O que você faria se só te restasse esse dia?
Se o mundo fosse acabar
Me diz, o que você faria?

Corria prum shopping center
Ou para uma academia?
Pra se esquecer que não dá tempo
Pro tempo que já se perdia?

 

Quando pensei em escrever alguma coisa sobre o primeiro dia do resto ano, me lembrei imediatamente desta grande música do Paulinho Moska!

E você! O que faria??

Aproveite e esqueça a metade do ano que já passou, e comece agora a pensar o que você quer da sua vida pra o resto do ano. Faça planos pequenos, com pequenos passos, que sejam executáveis. E depois aumente eles na medida dos seu desejos.

Faça a lista do final do ano agora! O mundo esta esperando as suas realizações, suas idéias, suas ações. Mas é preciso uma certa ordem para que o universo entenda o que você quer, e possa lhe entregar o pedido.

Você tem muitos planos? Muitas idéias? Muitos projetos e muitos caminhos.

Escolha!

Escolher um caminho, implica em abdicar de outro! Então escolha o que lhe deixa mais feliz!

Amanhã começa o final de ano!

Você precisa de ajuda pra ordenar as idéias?

Me escreva! Ajudo com prazer!

Já pensou no que você faria?