A Estratégia do Olhe de Trigre. Você já usou e não sabe!

Recentemente ganhei o Livro do Renato Grinberg,  A Estratégia do Olho de Tigre, um livro realmente bem oportuno para a época, quando a gente faz planos para o ano novo.

O livro é realmente muito bom, tem uma linguagem bem agradável de se ler, e tem conselhos bem interessantes.

A estratégia do olho de tigre, faz referência ao lutador interpretado por  Sylvester Stallone em Rocky. Diz respeito ao foco que temos que ter quando queremos alguma coisa. Pra entrar no  clima, dê uma olhada no clip que tem imagens do filme, (caso você tenha nascido depois disso).

Quando as coisas estão realmente feias, o treinador grita “Olho de Tigre, olho de tigre”,  e dai ele concentra no que quer, e parte pra cima.

Mesmo que você nem se pareça com o Sylvester (o meu caso), ou não tenha visto nenhum dos “Rocky”, você já  usou essa técnica instintivamente!! Onde?

Lembra daquela namorada (o) que que você perdeu e depois queria de volta?  Tudo o que você fazia durante o dia era pensar uma maneira de recuperá-la, todas as possibilidades, as chances que não existiam eram criadas, você examinava cada ideia que tinha para chamar a atenção dela, testava mentalmente, refazia, tudo por uma outra chance de demonstrar seu amor. Na maioria das vezes você a conseguia de volta. A não ser que outro Tigrão tivesse chegado antes, usado uma técnica mais eficiente, e ficado com a sua presa!

Tá, é um exemplo meio machista eu sei, mas serve…

Imagine se você agisse da mesma maneira pra conseguir o emprego dos seus sonhos?? Iria conseguir ou não?

A comparação entre as atitudes e técnicas usadas pelos tigres em sua caçada são transportadas para o mundo corporativo, do ponto de vista da sua carreira.

O livro tem boas dicas e métodos para alcançar seus objetivos. É uma excelente leitura para esta época do ano, para botar as idéias em dia, se preparar, ficar de tocaia e fazer o ataque mortal ao seu objetivo. Se você já tem a sua Tigresa, mire na sua promoção, no seu novo negócio, na sua vida…

Abraços,

Gérson.