Feriadão. Hora de aumentar suas horas com a família.

Boa noite pessoal,

 

Pra quem fez feriadão, como eu, aproveite para dar atenção a sua família, e botar em dia aquele conserto que faltava na casa.

Tirar o escritório da cabeça e arejar a cabeça,  é uma boa ideia para o final de semana.

Pague aquela promessa de cinema, que já tinha sido esquecida!

Esqueça o regime e volta àquela pizzaria, faça algo que faça a sua vida vale a pena.

 

Abraços,

Gérson.

Porque tanta resistência em planejar?

Boa noite pessoal!

Todo mundo sabe que quando as coisas são planejadas elas são mais bem feitas, mais eficientes, mais bonitas e mais tranquilas. Então porque existe tanta resistência em planejar? Porque se diz que planejar é um saco, que planejar engessa as atividades ou não funciona?

Acho que o problema é assumir o compromisso.

Veja, quando você faz um contrato com o seu advogado, você assume o compromisso de cumprir todas as cláusulas daquele contrato. Se você não cumpre, as  consequências também estão escritas no contrato, e podem ser cobradas.

Quando você faz um planejamento, seja do que for, você assume o compromisso com você mesmo, e eventualmente com outras pessoas, e você terá a obrigação de cumprir este compromisso. Neste caso as consequências do não cumprimento do compromisso são a frustração e o desânimo de não ter conseguido fazer o que se propôs.

Então é mais fácil não fazer planejamento nenhum, assim você não assume o compromisso, e se as coisas não acontecerem não é culpa sua. Não é? E assim você vai deixando a vida passar fingindo que nada do que acontece é culpa sua, é sempre de alguém; da chuva que fez o trânsito trancar, do São Pedro que fez chover, do seu chefe que você não ganhou aumento, da empresa que te enche de trabalho, etc.

É claro que nem sempre o planejamento sai como esperado, imprevistos fazem parte da vida. Mas é melhor ter  um planejamento capenga do que não ter nenhum.  Uma das coisas mais interessante que notei quando comecei a usar a metodologia do Christian, foi que era preciso deixar espaço no panejamento para o imprevisto acontecer. Se ele acontecer, você tem recursos ( tempo ou dinheiro) pra resolvê-lo, se ele não acontecer, você terá um excedente destes recursos para usar em outra coisa.

Achei engraçado fazer uma programação para o dia com o item: Imprevisto – duração: 01h.

Acho também é que isso que o Christian quer dizer quando fala de olhar a vida pela janela sem participar dela.

Planejar, significa assumir o controle da sua vida. Assumir o controle da sua pia cheia de louça pra lavar, se o seu plano é acordar com a pia vazia, e poder escolher uma xícara limpa para tomar café. Assim como assumir o controle do seu trabalho,  organizando o que você tem pra fazer e criando uma rotina para fazer o trabalho fluir e deixar você mais tranquilo.

Portanto, planejar é dizer que quem manda na sua vida é você e não outra pessoa. Comece planejando o que você tem pra fazer amanhã no trabalho fazendo uma lista e colocando o item mais importante primeiro. Inclua a sua vida nesta lista, sua mulher, seus filhos, seu marido, seus pais!

Então meu chapa, assuma o controle da sua vida, saia da janela, e vá pra rua !

Me conte depois como é a vista lá da rua!

Abraço,

Gérson.

O que você faz, quando não tem nada pra fazer?

Bom dia!

Parece uma pergunta retórica, mas esta semana eu pensei nisso no final de um dia.

Normalmente você não fica absolutamente sem nada para fazer, ainda mais no trabalho. Sempre tem algo pra fazer!

Mas depois que a programação de tarefas vira uma rotina com o Neotriad, e o seu dia é programado, e urgências não acontecem, em alguns momentos você fica sem nada pra fazer.

Se todas as suas tarefas para aquele dia já foram feitas, você  já adiantou a mais importante do próximo dia, e ainda são 17h, o que você faz com esta uma hora?

Alguns usam táticas de não fazer nada mas “parecer” que  fazem. Técnicas conhecidas como andar pelos corredores com uma folha de papel na mão como se você fosse entregá-lo para alguém, ou fazer cara de preocupado enquanto usa o MSN com os amigos ou namorada. Alguns acham que esta é a sua vingança particular contra o seu chefe sanguinário que te explora,  e para contra-atacar, você fica se fazendo de leitão pra mamar deitado.

Se você pertence a esta categoria, um conselho: saia deste emprego e procure algo que o deixe feliz. Você desperdiça seu tempo, sua vida e o tempo dos outros.

Eu uso esse tempo para pensar em alguma melhoria para os meus processos. Eu relaxo, espero aquela sensação de dever cumprido, e vejo meu trabalho com outros olhos. Imagino as coisas funcionando e outra forma, vejo o que os outros estão fazendo, presto atenção nas coisas ao redor. Penso também em problemas recorrentes e como posso prevê-los ou eliminá-los.

É bem interessante, você descobre coisas que estavam na sua cara e você não via, porque estava preocupado demais com a papelada.

Uma das soluções que criei foram as pastinhas plásticas que usamos para as contas da semana. Aqui na Macro Engenharia, programamos as contas com  uma semana de antecedência,  e antes, os boletos, notas cheques ficavam presos em clipes ou grampos, e quando eram transportados sempre caia um papel ou outro. Numa destas hora de ócio criativo, achei a solução simples de comprar pastas plásticas transparentes para cada dia da semana. Solução perfeita. Cada papel vai na pasta do seu dia de pagamento. Isso depois evoluiu porque enquanto se estava pagando as contas desta semana as da próxima já estavam sendo separadas e tinham o mesmo problema. Mesmo problema, mesma solução. Comprei outro conjunto de pastas.

Agora enquanto estamos pagando as contas de uma semana, as contas da próxima já estão nas pastas. No dia, só trocamos um conjunto de pastas vazio, por outro cheio de contas.

Mais rápido, mais eficiente, mais seguro e mais tranquilo, já que é só olhar para a etiqueta na pasta para saber de que dia são aquelas contas.

E você o que faz quando não tem nada pra fazer?

Pense nisso, e aproveite melhor o seu tempo!

Abraço,

Gérson.